vasculhar este blog:

sexta-feira, 1 de abril de 2011

reta final...

bem, amanhã é o dia. e eu nem consegui contar todas as histórias até agora! minha vida ficou de pernas pro ar nas últimas semanas... não consegui passar por aqui! um absurdo!

mas, para me redimir, decidi dividir um pouco do que me aconteceu nos últimos dias, as emoções, as tensões, a falta de sono... essa, então, é uma das coisas mais absurdas! quem me conhece sabe que tenho sono pra vender, emprestar, alugar. sou coruja, da madrugada, mas não me peça pra acordar antes das 9h. e nesta última semana, durmo depois das 2h e me pego acordada às 7h (da madrugada), rolando na cama e pensando em todos os detalhes do casamento. resultado: estou fazendo uso de Passiflorine desde segunda-feira, dia 28/03.


a falta de sono não foi tudo. nas últimas duas semanas, tive que tomar antibióticos e antialérgicos. tudo porque minha alergia respiratória se manifestou loucamente, me levando pra uma crise que não me permitia dormir direito, dada a minha dificuldade em respirar. e uma coisa levou a outra: tive uma crise de sinusite decorrente da rinite alérgica... 

ao fazer uso dos antibióticos, meu intestino ficou um lixo! tentei suavizar o "acelerado esquema de funcionamento" com leite fermentado, tipo Yakult, e consumindo menos fibras, mas o resultado não foi satisfatório. não mesmo.

ao entrar na contagem regressiva para o fim dos antibióticos, fui avisada pela minha mãe e pelo Marcio de que meu olho esquerdo estava muito vermelho. após visita ao oftalmologista, na última terça-feira (sim, há 3 dias atrás!!!), descobri que estava (ainda estou!!!) com conjuntivite viral. e, decorrente disso, mais remédios e um dia de repouso forçado.

caros amigos e amigas: minha ansiedade me deixou um caco humano. eu achava que estava no controle do meu corpo, mas ele está me dizendo que não aguenta mais. fazendo um pequeno balanço da minha aventura casamentícia, cheguei à conclusão de que o meu perfeccionismo atrelado a minha falta de confiança na execução de tarefas pelas outras pessoas me custaram a minha saúde. essa, talvez, tenha sido uma das lições mais valiosas que tirei de toda a história; tenho que aprender a me desprender.

para as noivas ou candidatas a tal, deixo meu recado: se desprendam. o que importa é o que se está construindo no caminho do grande dia e o que vem depois dele. não vale a pena deixar que os detalhes da festa ou da cerimônia te tirem do eixo. equilíbrio é tudo. antes, durante e depois.

2 comentários:

  1. Desejo que seu casamento seja maravilhoso.
    Agora é a hora de aproveitar!
    ;)

    Parabéns!!!

    ResponderExcluir
  2. Tá vendo no que dá abandonar sua personal cheerleader??? Não se preocupe que amanhã estaremos todos lá e você estará radiante, tenho certeza!!! Ai, que emoção, Bibi, vai dar tudo certo!!!!! =*******

    ResponderExcluir